Mergulhei…

Mergulhei no absurdo do ser. Mergulhei nessas águas ludibriosas. Mergulhei em direção a terras emersas. Mergulhei ao anoitecer. Mergulhei e ninguém percebeu. Mergulhei e encontrei a solidão do eu.   Antes disso eu vestia uma máscara, ela já não me cabe agora. Pois quando voltei me vi e não reconheci. Olho-me no espelho, me estranho […]