Rússia 2018: Dia 6

O sexto dia do mundial de futebol ocorreu hoje, na Rússia.  No primeiro jogo do dia, tivemos uma vitoria da seleção Japonesa sobre a Colômbia por 2 a 1. Logo depois, fechando a primeira rodada da Copa do Mundo, Senegal derrotou a Polônia com o placar de 2 a 1. Para terminar o dia, Rússia venceu Egito por 3 a 1, pela segunda rodada e está praticamente classificada para as oitavas de final.

Grupo H- Colômbia x Japão

Carlos Sanchez recebe cartão vermelho

Um jogo que ficará na historia da seleção japonesa, primeira vitória contra sul- americanos em Copa do Mundo. Os japoneses vieram para a Copa desacreditados, devido a troca de técnico recente e os ruins resultados na preparação para a competição, porém, graças a expulsão de Carlos Sanchez aos 3 minutos do primeiro tempo, o caminho para a vitoria na estreia, ficou mais fácil.
Logo no inicio da partida, Kagawa abriu o placar com gol de pênalti, após Carlos Sanchez ser expulso por cortar com a mão, o chute do próprio Kagawa, no lance anterior.
Mesmo com a vantagem no placar e com um a mais em campo, o Japão não deu muito perigo para os colombianos e viu o tecnico colombiano colocar Barrios em campo e mudar a postura dos colombianos na partida. Com um belíssimo gol de falta, Quintero empatou a partida.
Os times voltaram do intervalo e com um a menos, o time colombiano sentiu o cansaço, diminuiu o ritmo e deu espaços aos japoneses que com muita paciência, encontrou o gol da vitória em uma cobrança de escanteio com Osaka.

Grupo H- Senegal x Polônia

Jogadores do senegal comemoram com dança africana

Para surpresa de muitos, Senegal derrotou a Polônia e é a primeira e única equipe africana a vencer na Copa do Mundo de 2018.
Na primeira etapa, foi um jogo travado na marcação, os times pouco criaram, Senegal só conseguiu sair na frente no placar com um gol contra de Thiago Cionek. Aos 37 minutos, Gana Gueye bateu de fora que desviou no zagueiro Polonês e entrou.
No segundo tempo, os times continuaram sem muitas chances e em um lance duvidoso, o time africano ampliou o placar. Aos 15 minutos, o camisa 10 polonês, recuou a bola para o goleiro, mas Niang, que estava fora do campo sendo atendido, entrou em velocidade, roubando a bola e empurrando para as redes.
A equipe polonesa, não desistiu e aos 40 minutos da etapa final, em cobrança de falta na área, o camisa 10 Krychowiak subiu livre e cabeceou para fazer o gol. Porem, não conseguiu o gol de empate e os senegaleses comemoraram a vitoria com a famosa dança africana. Senegal divide a liderança com a seleção Japonesa com 3 pontos cada.

Grupo A- Russia x Egito 

Rússia derrota Egito de Mohamed Salah

Os dois times entraram em campo motivados, os donos da casa por terem feito uma goleada na primeira rodada, ja o Egito, contava com seu astro, Salah em campo.
A primeira etapa começou movimentada, Egito pressionou os russos no início do jogo que responderam e criaram as melhores chances. Salah, a estrela do jogo, foi muito bem marcado pelos russos e quase não apareceu nos 45 iniciais do jogo.

Na volta do intervalo, o jogo ficou mais emocionante, logo aos 2 minutos, a Russia abriu o placar com gol contra de Fathi, depois do chute de Zobin. Com 1 a 0 no placar, a Rússia se empolgou e aos 13 minutos conseguiu balançar as redes novamente com Cheryshev. O Egito, tentava buscar algumas chances, mas viu aos 16 minutos um golaço de Mario Fernandes. Os Russos com 3 gols de diferença no placar, tentavam pelo menos 1 gol na partida e aos 26 minutos, Mohamed Salah foi derrubado dentro da área e o próprio converteu, deixando o placar em 3 a 1.

Com essa vitória, os Russos estão praticamente classificados para as oitavas de final, enquanto o Egito se complicou ainda mais para chegar as oitavas.

Para Caio Simões, estudante da Universidade Presbiteriana Mackenzie, “o sexto dia da copa tiveram muitas surpresas, ninguém acreditava nas vitórias do Japão e do Senegal, por serem seleções que pareciam estar menos preparadas” e para ele, a decepção maior do dia ficou com Mohamed Salah. “Esperava muito mais dele na seleção, ficou muito escondido no jogo”.

Confira o resumo do dia 1, 2, 3, 4 e 5 do mundial.