Promessa do surf tornou-se realidade

Aos 24 anos, John John Florence, pela primeira vez em sua carreira profissional, irá erguer a taça de campeão do Circuito Mundial de Surf.

Nascido em 18 de outubro de 1992, em Honolulu no Havaí, John Alexander Florence foi criado com os pés na areia. Aos cinco anos começou a praticar surf e desde então nunca mais largou a prancha.

john-john-crianca

Aos 13 anos, foi o mais jovem atleta a participar da Tríplice Coroa Havaina (junção de três campeonatos que ocorrem nos meses de novembro e dezembro). Estreando em competições profissionais aos 19 anos, levou o título da Tríplice Coroa em 2011. Repetiu o feito dois anos depois, em 2013.

Com todo seu carisma e talento nas ondas , foi apontado por nada menos que Kelly Slater como uma das promessas mundiais no surf.

Em 2016, na etapa de Peniche, em Portugal, consagrou-se como o melhor surfista. Apesar da final do circuito ainda estar para acontecer em sua terra natal, o surfista deixou para trás todos os concorrentes. Mostrando na penúltima etapa que o pódio já tinha um dono.

john-john-florence2

Para o estudante de jornalismo da Universidade Presbiteriana Mackenzie, Pedro Rotta, o havaiano é, sem dúvidas, o surfista mais completo dessa nova geração. Só não é o mais completo do circuito por causa do lendário Kelly Slater.

“Nos encantaremos muito nos próximos anos com esse jovem que vem assombrando o mundo do surf, junto com o brazillian storm. Veremos belas disputas entre John John e Gabriel Medina nas próximas temporadas”, afirma Pedro fazendo suas apostas.

 

Ana Julia Paloschi

Não dispensa uma boa conversa, um café e um episódio de Friends.