Ana Flávia Borelli

Perfil de Ana Flávia Borelli

Sem saber como se definir exatamente, a aluna do sexto semestre de arquitetura acha que fala o que pensa e que todos podem a enxergar assim. A jovem de Batatais (SP) afirma não ter feito muitas loucuras, mas que, se contar para os pais que se mudaria para a capital uma semana antes de vir, pode ser considerado uma loucura, é definitivamente sua maior.

“Apesar de todo mundo falar que não tem nada a ver com humanas, que arquitetura é um curso de exatas, arquitetura tem muito a ver com humanas, é um curso de ciência social aplicada”, diz a estudante. “Minha matéria favorita é urbanismo porque é uma matéria que tem direto contato com a sociedade, que você prevê tudo o que ela precisa pra melhorar.”

Apaixonada pelo curso, Ana Flávia nos conta que se pudesses estar em qualquer lugar naquele momento, estaria em Machu Picchu, ou fazendo um “mochilão” pela Europa para ver a arquitetura, começando pela Itália.

Como muito alunos, Ana brinca que “mora no Mackenzie”, por conta das horas que passa na universidade, e que vive sua melhor experiência de vida fazendo o que mais gosta, porém sente muita falta de casa. “Eu sou filha única, é difícil você largar sua vida, você largar tudo o que você tem”, declara, emocionada.

Segundo ela, a mudança para São Paulo e o ingresso na faculdade a tornaram uma pessoa menos ingênua e impaciente. “A gente começa a perceber que a vida não é assim, que a gente não tem que carregar ninguém na vida, porque é cada um por si e que a às vezes as pessoas se dão bem às nossas custas.”

Escrito por: Maria Clara Lucci

Foto por: Maria Clara Lucci

Maria Clara Lucci

Taubateana tagarela e fã de musicais.