Natureza – inspiração na estrutura arquitetônica

O estudo do desempenho da forma da natureza serve de inspiração em novas possibilidades de projetos

Muitas vezes mecanismos do meio ambiente parecem funcionar melhor que alguns elaborados por tecnologias muito avançadas realizadas no mundo contemporâneo, e uma característica que aparece para exemplificar é a de uso mínimo de recursos para o melhor desempenho.

A arquitetura biomimética é aquela que faz o estudo da natureza a partir do desempenho da sua forma estrutural, a qual é dinâmica, e não apenas a sua estética. A percepção dos princípios físicos que regem o comportamento dos sistemas estruturais dessa é importantíssima para ensinar e inspirar arquitetos em novas possibilidades de criação. Assim, portanto, a edificação é projetada com melhor eficiência em relação aos termos energéticos, construtivos, funcionais e tipos de materiais.

Aparece para exemplificar: Estádio Nacional de Pequim

Projetado pelo escritório Herzog & de Meuron, o Estádio Nacional de Pequim tem uma estrutura metálica que foi inspirada na estética e no desempenho estrutural de sustentação de um ninho de pássaro.

 Eastgate Center de Mick Pearce no Zimbábue

Outro exemplo é o sistema de resfriamento passivo em Eastgate Center de Mick Pearce no Zimbábue, que imita a forma dos cupinzeiros africanos para manter constante a temperatura interna, apesar das grandes variações de temperatura da região. O centro utiliza o ar frio da noite para resfriar a massa do edifício, e durante o dia este ar sobe do térreo em direção aos pavimentos superiores através de chaminés.

Pavilhão de Pesquisa do ICD-ITKE 2013-14 / ICD-ITKE University of Stuttgart

Com base na morfologia diferenciada da espécie trabeculae e os seus arranjos de fibra individuais, um sistema modular de dupla camada foi gerado para a implementação de um protótipo de arquitetura. Através do desenvolvimento do projeto e simulação de ferramentas computacionais, tanto as características de fabricação robotizadas como os princípios biomiméticos abstraídos puderam ser simultaneamente integrados no processo de projeto.

Pavilhão Quadracci

Pabellón Quadracci do Museu de Arte de Milwaukee de Santiago Calatrava, que se abre e se fecha durante o dia como as as asas de uma mariposa ou de um pássaro.

Se vocês gostaram do assunto e tem interesse no aprofundamento há essa sugestão bibliográfica: Livro, Estrutura da Natureza, Augusto Carlos de Vasconcelos. Ajuda na elaboração de ideias para o texto: Professor Daniel Candia (Desenho Técnico, Modelos Virtuais e Atividade de Projeto, Semeste II, FAU-Mackenzie)

Texto por: Bettina Mendieta

Carolina Costa Lima Torelli Bolota
Mente nas nuvens com os pés no chão.