Mulheres (ou “A Metade Mais Bela do Mundo”)

No Dia Internacional da Mulher, algo com a pretensão de ajudar os homens.

Bem, vocês podem dar uma caixa com chocolate, um belo vestido ou qualquer outro presente, mas não se assuste se elas gostarem mais da cartinha ou recado que você escondeu dentro.

Dar um presente caro e infinitamente lindo não é sinônimo de virilidade. Uma mulher prefere que você dê uma simples flor, mas que perceba que ela está usando um vestido novo. Isso supera qualquer super presente dado por alguém incapaz de notar que ela mudou o corte de cabelo.

Mesmo que gaste uma fortuna na academia, ela prefere elogios sobre sua personalidade do que sobre seu corpo. Muitos homens precisam aprender isso. E devem aprender também que carro bonito não é garantia de sucesso, porque no primeiro encontro algumas nem se lembram do modelo do seu carro, mas não esquecem que você abriu a porta pra elas.

E se você, homem, admitir que uma mulher faz alguma coisa melhor do que você, acredite, o mundo não acaba.

Uma homenagem à complicada engenharia feminina.