Sonhos: Uma conquista a cada dia

Eu via tudo muito quadradinho, e depois que eu entrei no Mackenzie, eu desenvolvi e criei um senso crítico para as coisas” começa dizendo a estudante do sétimo semestre de psicologia, Leticia Santos Golveia, 22 anos. Ela continua dizendo que queria prestar uma universidade federal, mas mudou de ideia ao entrar no cursinho e não se arrepende da decisão tomada.

A estudante afirma que ainda não sabe qual área planeja seguir, mas que queria unir suas duas paixões: a psicologia e a dança. “Faço Ballet desde os meus 10 anos, mas nunca pensei em seguir carreira profissional. O que eu queria fazer, era unir a psicologia com a dança”.

Ela considera que a maior loucura foi a de terminar um namoro de três anos para seguir um de seus maiores sonhos: trabalhar na Disney. “A gente sempre sonha em conjunto, e eu percebi que eu precisava fazer algo meu, sonhar algo pra mim sabe? Então eu fui para à Disney trabalhar dando vida para os personagens”.

A universitária sorri ao recordar do intercâmbio, pois lembra de todas as pessoas que ajudou encarando os papéis dos personagens, principalmente quando envolvia o projeto Make a Wish, que realiza o sonho de crianças em estado terminal “Na Disney, é uma conquista todo dia e a cada momento que eu podia ajudar, era  muito gratificante saber que um abraço poderia ajudar alguém”.

A mackenzista ainda diz que seus hobbies são ficar em casa vendo séries, mas que também gosta de sair com amigos, principalmente para dançar com eles, e que tem tentado levar uma vida mais saudável.

Ela encerra dizendo que a característica que a difere das outras pessoas é que ela sempre faz de tudo para ajudar as pessoas, principalmente as mais próximas. “Se eu puder ajudar alguém, eu vou ajudar, e é isso que falta hoje em dia, é que as pessoas se importem mais uma com as outras, mas isso não acontece de uma hora pra outra, é um processo gradativo”.

Foto por Paola Churchill

Texto por Paola Churchill