Insituto Moreira Salles- O novo point cultural da Paulista

A avenida Paulista nesses últimos anos se tornou um corredor de cultura para São Paulo. Centros culturais, museus, famosas apresentações diárias de artistas de rua. A inauguração do IMS (Instituto Moreira Salles) veio para somar ainda mais cultura para a avenida.

Na quarta-feira (20) o IMS abriu suas portas para os mais diversos programas. Entre eles, um cinema/teatro, uma biblioteca dedicada a fotografia – com mais de 6 mil títulos –, várias salas de exposições (que ocupam quatro andares com galerias). Além de restaurante, cafeteria, apresentações musicais e teatrais, exibição de filmes e cursos.

As Exposições

Os amantes de fotografia poderão se vangloriar pois as exposições terão seu foco em galerias de fotografia. A exposição “Os Americanos” de Robert Frank irá mostrar o resultado da jornada de Frank pelos Estados Unidos em 1980. A exposição conta com todas as fotografias do fotógrafo americano de 92 anos, além de seus filmes experimentais e foto livros.

Exposição de Robert Frank – “Os americanos” por Mariana Conte

No último andar do prédio está a “São Paulo, Três Ensaios Visuais”. A exposição combinará a vista, do andar para a avenida, com sua amostra de projeções de fotografias da cidade. As fotografias foram feitas entre 1862 e 2016, criando um flashback até os dias atuais. Esse mesmo andar abrigará oficinas de fotografia analógica e digital.

Além das fotografias a exposição mais aclamada é a “The Clock”, de Christian Marclay, que já foi premiada na 54ª Bienal de Veneza em 2011. Com nove apresentações que vão durar 24 horas, sempre de sábado para domingo, ela é feita de fragmentos de filmes que mostram relógios, sempre mostrando exatamente a hora em que o espectador está assistindo ao vídeo.

Conexão com a Paulista

Um diferencial do IMS é possível de se perceber só de se olhar para o prédio. Com uma fachada inteiramente de vidro translúcido é possível ter uma vista da avenida em todos os andares, conectando a energia da Paulista com o interior do prédio,. Essa conexão faz com que, mesmo vendo as exposições, o visitante sinta a presença da cidade.

Por não ter seu primeiro andar junto com o piso da calçada, assim que se entra no prédio, a vista é, não da calçada na avenida como a maioria dos prédios, mas sim de um 4º andar, tendo uma vista de toda a Paulista.

O Instituto Moreira Salles está localizado na Av. Paulista, 2424, sua entrada é gratuita.

Texto por: Larissa Iole

Foto de Capa: Bruna Guerra

Que tal aprender outro idioma com música ?