Exposição sobre Nirvana e Grunge chega a São Paulo

 

Para os mackenzistas rockeiros, principalmente para os que curtem Nirvana, a exposição “Nirvana: Taking Punk to the Masses” está em cartaz em São Paulo. Após ser visitada por mais de três milhões de pessoa, passar seis anos em cartaz em Seattle e uma parada no Rio de Janeiro, a exposição chegou ao Parque do Ibirapuera no Lounge Bienal.

Além de contar com mais de 200 itens da banda, a exposição também conta um pouco do cenário musical no qual o Grunge nasceu, tendo seu centro em Washington e como principal representante a banda liderada por Kurt Cobain.

Entre os itens mais famosos, estão peças de roupa utilizadas pelos membros da banda, guitarras quebradas por Cobain, uma bateria usada por Dave Grohl (ex-bateirista e atual vocalista do “Foo Fighters”) e a escultura de anjo que integrava o palco durante os shows do último álbum de estúdio da banda, “In Utero”.

É possível ver trechos das primeiras entrevistas da banda, documentários, letras de canções escritas a mão e o show mais famoso da banda na íntegra, o “MTV Unplugged in New York”, gravado em novembro de 1993 pela MTV.

O visitante também pode interagir com um espaço imitando a icônica capa do álbum “Nevermind” e ser filmado cantando e dançando ao som de “Come as you are” em uma cabine.

A exposição ficará em cartaz até o dia 12 de dezembro e a entrada custa R$25 entre terça e quinta e R$35 entre sexta e domingo. O horário de funcionamento vai das 10 às 18 horas entre terça e sexta e das 10 às 19 horas aos sábados, domingos e feriados.

Texto: Fábio Ribeiro Barreto