Do outro lado

Seis passos lentos

A placa da escola

Os livros, as estantes

Revivendo a memória

 

Que eu colori de vermelho

Com as gotas do meu sangue

Tranquei no armário

E não olhei pra trás

 

Mas a memória é terna

E o que resta do vitral

Me faz te procurar

Em todos os sonhos inocentes

 

E o que sobrou do seu sorriso

Me faz ligar do outro lado

O celular toca no vazio…

Ao menos eu tentei

 

Foto: Guilherme Rossi