Dica de moda: Documentário “The True Cost”

Você sabe quanto custa tudo o que você veste? Essa pergunta vai muito além do preço visto nas etiquetas. Todos os dias, milhares e milhares de peças são produzidas em condições sub-humanas e análogas à escravidão em países em desenvolvimento. Elas são vendidas em grandes redes varejistas por preços absurdamente baratos em países do mundo todo.

Essa é a realidade apresentada no documentário “The True Cost” (“O verdadeiro preço”, em tradução livre). O diretor Andrew Morgan mostra em 92 minutos o lado nada glamoroso do mundo da moda. Com depoimentos chocantes de diversas pessoas envolvidas em diferentes setores da produção, o filme leva a todos aqueles que assistem a reflexão de quão necessários são os preços que as lojas de fast fashion disponibilizam para seus consumidores.

Antes do estouro das fast fashion, eram lançadas basicamente as coleções de outono/inverno e primavera/verão. Hoje, segundo os dados apresentados no filme, são aproximadamente 52 coleções por ano nas lojas, que são produzidas por pessoas que ganham cerca de 2 dólares por dia.

O grande questionamento é: como uma indústria de lucros milionários como a da moda é incapaz de manter seus funcionários em condições humanas de trabalho e com salários adequado para suas funções?

O filme está disponível no Netflix, então não tem desculpa para não assistir! Deixamos o link do trailer disponível aqui no post para vocês conferirem.

Caso vocês se interessem mais pelo assunto, existe um aplicativo disponível para Android e iOS chamando “Moda Livre” da ONG Repórter Brasil, no qual é possível checar quais marcas tem ou já tiveram envolvimento com trabalho escravo no país.

Texto por Julia Mello.