Como montar o Perfil Perfeito: passando a personalidade para o papel

Cada pessoa é completamente singular, desde as suas manias e peculiaridades, até sua personalidade e histórias nunca contadas. Descrever alguém nunca é uma tarefa fácil, e traçar um perfil que faça jus a pessoa, e todas as suas características, é ainda mais difícil.

Um perfil serve para que o leitor entenda, compreenda e se aproxime da pessoa sendo descrita. Mas como criar um perfil que alcance tudo isso? Existem muitos meios para começar a descrever alguém, porém, não existe uma fórmula perfeita. De acordo com o professor de comunicação social da Universidade Presbiteriana Mackenzie, José Alves Trigo (ou Trigo para seus alunos jornalistas), não existem perguntas fundamentais. Para ele “o grande desafio é transformar as perguntas em histórias, e conseguir extraí-las das pessoas”.

Qualquer estudante de jornalismo sabe que conseguir essas histórias é mais fácil na teoria que na prática. Mas existem jeitos de consegui-las. Instigar a pessoa para que, ela mesma, conte sua história é um desses jeitos. E não é preciso ser um estudante de jornalismo. Ser simplesmente alguém com paixão em ver como as pessoas se comportam, enxerga que o comportamento é sempre único de pessoa para pessoa, já é o suficiente.

Para se conseguir isso só é preciso ter duas coisas. A primeira coisa a se ter é disposição. Saber ouvir, e amar ouvir, seja uma história de vida ou um desabafo de fim de dia. E a segunda, e última, é se ter atenção, ouvir e notar os detalhes da do escolhido para o perfil, detalhes que, na maioria das vezes, passam despercebido.

Muitas vezes, no final, nenhuma história fantástica acaba sendo contada, e o perfil não será nenhuma matéria de capa de revista. Mas tudo que faz da pessoa ela mesma, com toda a sua singularidade, estará lá, e só esse fato já vai fazer o perfil de quem você quiser, ser um perfil perfeito. Afinal, assim como o professor Trigo nos conta: “As pessoas querem contar suas histórias, só é preciso ouvi-las”.

Para se inspirar:

Sergio Vilas-Boas – “Perfis: o Mundo dos Outros / 22 Personagens e 1 Ensaio”

O livro do jornalista traz histórias tanto de pessoas importantes quanto de anônimas. A obra possui 22 perfis e histórias. Além de um ensaio que ensina como montar perfis e construir textos biográficos, em termos de metodologia e linguagem.

Humans Of New York

O projeto começou em 2010 e procurava só fotografar os nova yorkinos no seu dia-a-dia. Mas nos últimos 7 anos ele se expandiu. Agora traz, além das fotografias, histórias de pessoas do mundo todo. No site se encontra diversos perfis, e na página do Facebook se tem a mini série. Ela possui 9 episódios entre 10 a 20 minutos cada, seguindo a mesma linha de perfis e histórias, com uma fotografia incrível.

Falando em perfis, vem dar uma olhada no perfil dessa artista

Larissa Iole de Freitas
Paulistana propensa a sonhar demais em meio a realidade. Apaixonada por histórias novas, café(s), bons livros e uma boa playlist que acompanhe isso tudo.