Clarisse Suganuma

Perfil de: Clarisse Suganuma

“As pessoas não entendem as brincadeiras, eu entendo, elas são muito estressadas”. Clarisse Suganuma, 18, sempre muito extrovertida, está cursando seu primeiro semestre no curso de Psicologia. Tocadora de taiko de Okinawa “pularia de paraquedas, sei lá, onde pudesse pular”. No seu tempo livre gosta de andar pela Paulista, ir a boas padarias, andar de metrô e também de “ir ao Villa Lobos para andar de bicicleta e fazer piquenique”. Se sente pelada sem seu relógio e conta que resolveu, em uma manhã de domingo, ir a um hortifrúti com seu pijama trocado com o do namorado. “Ele tava com uma calça listrada rosa com branca e a blusa era rosa choque e eu com uma calça marrom e uma blusa bege; quando a gente chegou na esquina já estava todo mundo olhando”. Assim, Clarisse, com toda sua espontaneidade, conta uma de suas melhores experiências.

Escrito por: Weslley Costa

Foto por: Weslley Costa