Carolina Viana de Barros – Estudante de Direito

“Meu nome é Carolina Viana de Barros e espero poder contar-lhes algo sobre esse lugar mágico de Portugal que é Coimbra. A Universidade de Coimbra é a mais tradicional Universidade de Portugal e uma das mais antigas da Europa, sendo até os tempos atuais uma Universidade de referência acadêmica para o mundo todo.

Curiosidade: sobre tradições locais e inspirações literárias: os uniformes de Universidades como a de Coimbra foram a inspiração para os uniformes de Harry Potter, pois J.K Rowling morou em Portugal por muitos anos!

Como sou estudante de Direito (curso mais tradicional e com mais fama de ser “difícil” em Coimbra) fiz as matérias de Direito Internacional II, Direito da União Européia II, História do Direito Português (eu já disse que amo história?) e Introdução ao Pensamento Jurídico Contemporâneo. Importante destacar que o ano na Europa não é igual ao daqui, logo, fiz metade do ano lá e peguei algumas matérias que já tiveram dado início no semestre anterior por causa disso. Além das matérias na Faculdade de Direito, também vale a dica de fazer os cursos de idiomas na Faculdade de Letras que fica ao lado da de Direito. Lá, fiz curso de Latim e de Japonês (fiz essa escolha por japonês por estudar esse idioma também no Brasil).

Como a Universidade está situada no topo de uma elevação, como se fosse uma acrópoles, sugiro aos que forem fazer intercâmbio se alojarem um apartamento o mais próximo possível da Universidade, como eu fiz. Apesar de ter saído mais caro, custou-me menos para ir e vir da Universidade, ter acesso às cantinas universitárias (que, aliás, são baratas e de boa qualidade) e facilitou muito meus estudos. Não espere facilidade com os estudos, pois a Universidade é muito séria com relação a estudos! Eu gosto de estudar, logo, ter estudado mais de mil páginas apenas na matéria de História do Direito Português correu bem para mim por eu estar acostumada a uma rotina de estudos.

Gostaria de poder discorrer eternamente e ajudar muito mais com minha experiência, mas espero ter atingido um pouquinho a curiosidade e a vontade de colegas de ter a mesma experiência que eu tive.”