As blogueiras do Mackenzie

Algumas blogueiras falaram do começo de suas carreiras em um bate papo que rolou esta quarta feira,15, no Mackenzie. Nenhuma delas imaginou que chegariam onde chegaram, pois começaram “brincando”, segundo elas. As convidas da palestra eram Francini Vergari, Mariana Sampaio, Niina Secrets, Fabi Santina e Marisa Santina. Francini é jornalista e trabalha com internet desde quando fazia estágio.

Já a Marisa arrancou risos da platéia quando revelou: “eu vi que tinha mercado nisso e queria ganhar dinheiro”. Ela conquistou o público com seu carisma  e até deu um conselho: “Eu paguei duas mensalidades do Mackenzie, é caro, então aproveitem!” A Santina estava se referindo ao seus filhos que estudaram no Mackenzie. O irmão mais velho das meninas e à Fabi que fez o curso de Publicidade e Propaganda.

Fabi até comentou que em sua época de estudante não se falava muito em mídias sociais nas aulas. Isso a fez pensar em desistir, pois muitos não consideravam o Youtube um trabalho sério, mesmo com ela ganhando dinheiro. Ela também comentou com a Redação sobre o sentimento de voltar para o Mack depois de formada: “Mackenzista tem aquela coisa né… é sempre mackenzista! Então, voltar para cá depois de quatro anos para dar uma palestra foi um ápice, foi muito legal! Foi muito boa a minha faculdade, apesar de eu não literalmente trabalhar na área. Mas querendo ou não, ainda trabalho como influenciadora, o que me ajudou muito no meu trabalho hoje. Foi muito importante para o meu crescimento”.

Os assuntos debatidos foram variados: desde haters até espaços para pessoas mais velhas na internet. Para Marisa é fácil lidar com haters, é só não ligar para opinião deles. Ela também fala de seu espaço no youtube e de seu público alvo, pessoas mais velhas.  Mesmo sendo um canal com poucos seguidores, ela consegue ganhar dinheiro com publicidade pois não tem muita concorrência. Mas ela não gerencia só seu canal. Ela cuida do canal de toda a família. Ao todo são sete. Com isso, as blogueiras e Francini mostraram para os alunos que mesmo em um mundo digital há espaço para o jornalismo e produção de conteúdo.  Para ver dicas  que a Fabi deu para Natália de Moda clique aqui.