Entre metas e amadurecimento

“Escolhi estudar no Mackenzie porque sempre soube que era uma ótima opção no meu curso. Depois de entrar percebi que é a melhor.” Fala Amanda Izar Verniano, de 19 anos, estudante de Jornalismo. Ela conta que hoje agradece por ter optado o Mackenzie, mesmo passando em outras universidades.

A mackenzista cita diversas experiências que já teve dentro da faculdade, como conhecer pessoas, de todos os tipos e lugares e poder ter aulas muito boas daquilo que gosta. “Mas as relações e os laços que você cria aqui são, com certeza, a melhor parte”, diz.

Além dessas vivências, Amanda fala sobre seu amadurecimento: “amadureci em todos os sentidos. Desde pegar ônibus sozinha, até minhas opiniões em diversos assuntos. A gente conhece muita gente e tem muita experiência diferente. Nossa cabeça se abre demais para coisas novas e consequentemente devido a tudo isso, amadureci bastante.”

Sobre seus gostos pessoais, a estudante fala que gosta muito de ler e de escrever. Quando sai, gosta de frequentar lugares de alimentação, como restaurantes. E sobre uma grande aventura, ela diz: “não sei se o JUCA (Jogos Universitários de Comunicação e Artes) foi a maior da minha vida, mas foi a melhor até agora.”

“Passar na faculdade e ter feito intercâmbio para o Canadá foram minhas maiores conquistas”, diz. Essas duas coisas mudaram completamente várias das suas ideias e abriram muitos horizontes. E ainda existem muitas coisas que ela deseja fazer e que ainda não fez pois acredita que são coisas que precisam de um maior amadurecimento para realizá-las. “Aos poucos ainda colocarei em prática tudo de relevante que desejo fazer.”

Conta que não costuma demonstrar isso para ninguém, mas que tem metas para sua vida já traçadas e faz desde já tudo para elas darem certo. “Eu sei e sempre soube o que eu quero, desde querer cursar jornalismo na faculdade, até com o que irei trabalhar, e faço de tudo para ir atrás.”

“Para mudar o mundo, eu faria o que está no alcance de um jornalista fazer, como passar algo para as pessoas pelas palavras. Seja passar uma ideia, um conselho, ou apenas amor.” Amanda acha que assim muitas coisas poderiam mudar, mesmo que pequenos detalhes.

Isabelle Formigari Gandolphi
Estudante de Jornalismo, sagitariana e do interior. Repleta de sonhos e confusões. Cheia de amor pra dar e piadas pra fazer.