escrever

A arte de escrever…

Era um domingo chuvoso, tedioso. Tentava arrumar algo que pudesse fazer para me distrair, algo para passar o tempo ocioso.

Fiquei pensando e decidi fazer algo que sempre gostei muito: escrever. Mas então outro problema me ocorreu. Sobre o que eu escreveria?

Mas tempo foi perdido pensando em temas, em algo interessante sobre o qual pudesse divagar nas folhas do meu caderno surrado.

Já estava desistindo de escrever quando, então, um estalo me veio. Uma forma de metalinguagem. Iria escrever sobre a escrita.

A palavra escrever no dicionário significa expressar-se por meio da escrita. Não há como descrever como essa prática de comunicação foi importante para a criação do mundo que conhecemos.

Desde o início da vida humana procuramos encontrar uma forma de expressão, de nos comunicarmos e de eternizar os nossos conhecimentos adquiridos.

Eram desenhos na época pré-histórica, hieróglifos na civilização egípcia, e muitas formas de registro até evoluir para o formato de escrita que temos e usamos hoje.

Nunca paramos para pensar em como algo que fazemos todos os dias é significativo. Para mim não é diferente.

Sempre amei escrever. Essa prática faz parte da minha vida desde que eu era bem pequenininha. Papel e caneta me acompanharam por todas as minhas fases.

Quando criança, feliz, por finalmente aprender a redigir meu nome; Entrando na adolescência buscando refúgio em diários e vendo na escrita um amigo que podia contar.

As palavras foram minhas confidentes, no meu primeiro amor, no primeiro beijo, nas mudanças de corpo e de mente que passei ao longo de meus poucos anos vividos. Sempre ocupando um grande espaço em mim.

Depois, já na fase adulta, percebi que escrever era ainda maior para mim, era uma paixão. Decidi então fazer da minha escrita parte da minha profissão.

Entretanto, até esse presente dia não havia me ocorrido o quão essencial as palavras realmente são para mim. E, por agora ter percebido, deixo aqui minha homenagem a elas da forma mais bonita possível: escrevendo.

Ei, não fecha o texto ainda não! Você  gosta de escrever? A gente tem um texto AQUI que fala sobre como a nossa língua portuguesa é unica e linda. Vem ver !

 

Beatriz Martins

Paulistana de nascimento e de coração. Nunca dispenso um cafézinho e uma conversa boa. Amante de livros, séries e música. Enfim, só mais uma pessoa tentando se encontrar nesse mundão.