Thayná Almeida

Perfil de: Thayná Almeida

“Toda vez que você se encontrar do lado da maioria, é hora de parar e refletir”.
É parafraseando o escritor norte americano Mark Twain que a estudante Thayná Almeida começa o seu perfil. “É uma frase que eu gosto porque eu penso que às vezes a pessoa chega num ponto da vida em que estaciona, prefere ficar ao lado da maioria por, sei lá, ser mais cômodo… aí eu acho que essa frase te faz querer ser diferente, te faz querer arriscar”.
E ela não tem medo de arriscar e ir atrás do que quer. Um exemplo disso foi quando colocou na cabeça que queria trabalhar na Disney. Sim, no “Maravilhoso Mundo de Disney”. Sua irmã, por duas vezes, já tinha tido a experiência de participar desse programa que contrata jovens para trabalhar nos parques da Disney, fato que influenciou bastante Thayná. “No segundo programa dela, eu fui visitá-la, e foi a primeira vez que eu fui para os Estados Unidos, pra Disney. Aí eu surtei! Falei que eu ia trabalhar lá também, que era tudo o que eu queria… então, depois que eu a visitei, eu decidi que ia tentar. Fiz o processo seletivo, passei, e trabalhei no “Magic Kingdom”, onde eu cuidava de três brinquedos”. A viagem foi bem marcante para ela, não só por ter sido a Disney, mas também porque foi a primeira vez, e a primeira viagem, que fez totalmente independente.
Além disso, é da Disney que vem a lembrança da maior loucura que ela já fez na vida. “Fomos eu e mais dois amigos viajar de carro, por dez horas, pra Nova Orleans. Então a gente foi, estava chovendo, arrastamos a mala pelo condomínio, nem tínhamos lugar certo pra ficar… foi assim, uma coisa de filme mesmo! Eu liguei pra minha mãe na hora só, avisando quando eu já estava indo mesmo! Nós fomos e voltamos vivos, mas foi a maior loucura”!
Mas a paixão desta jovem vai além da terra do Mickey. Ela também tem um carinho enorme pelo Mackenzie, lugar em que estuda e trabalha. Thayná divide o seu tempo no Mackenzie entre os estudos, onde cursa Publicidade e Propaganda, e o trabalho na área de Marketing e Relacionamento do Mackenzie, onde trabalha no departamento de Eventos. A escolha da universidade, aliás, teve influência da outra irmã, que já estudava lá.
E o perfil de Thayná termina com ela dizendo o que a torna diferente dos outros. “Eu acho que a questão de sonhar. Porque desde pequena meu pai sempre me incentivou muito a sonhar, então eu cresci com isso. Acho que não dá pra ser sempre realista sem se dar uma chance de sonhar também”.

 

Escrito por: Larissa Sugiyama

Foto por: Thayná Almeida

Lari Sugiyama

Japinha, pequena, virginiana, irônica e futura jornalista se Deus permitir <3